Biostimuladores de colágeno

Biostimuladores de colágeno

18/outubro | admdermatologic | 0 visualizações
 

Você sabia que, a partir dos 30 anos de idade, a capacidade do nosso corpo de produzir colágeno cai consideravelmente? Isso é mais notório nas mulheres. Como o colágeno é a proteína responsável pela firmeza e elasticidade da pele, é natural que se perca gradativamente seu viço e firmeza.

A boa notícia é que, nos últimos anos, surgiram várias substâncias criadas para tratar o envelhecimento e, mais especificamente, aumentar a produção de colágeno. São os chamados BIOESTIMULADORES. São eles: ácido poliláctico, hidroxiapatita de cálcio, carboximetilcelulose e policaprolactona.

COMO FUNCIONAM?

Quando injetados profundamente na pele, estimulam a produção de colágeno, hidratam o tecido cutâneo e promovem volume, resultando em uma aparência mais jovem e radiante.

São procedimentos de mínimo a moderadamente invasivos, feitos sob anestesia local em creme (aplicada 40 minutos antes), e a técnica depende do produto a ser utilizado. O ácido poliláctico, por exemplo, requer três sessões com intervalos de 30 dias. A hidroxiapatita de cálcio é muito boa para redefinição do contorno facial.

Os resultados são graduais e começam a surgir a partir da terceira semana após a aplicação, tornando-se mais visíveis após seis meses. A duração pode ser de até 24 meses, dependendo dos hábitos e do metabolismo da pessoa.

COMPARTILHE